PENSE FORA DA CAIXA

Atualizado: 5 de Abr de 2019


Sou Arquiteto e Agora?

Pense fora da caixa

Olá! Se você está lendo esse Post, é porque talvez nesse exato momento você esteja fazendo a mesma pergunta que eu fiz há algum tempo, e muitas vezes ainda me pego pensando nela.


Se você espera uma dica milagrosa para fazê-lo prosperar facilmente, sem esforços, desculpa, mas esse artigo não serve pra você! Mas, se você entende que as coisas são conquistadas com um pouquinho de esforço que seja, fique aí que talvez eu consiga pelo menos te fazer se movimentar um pouco.


Esse será o primeiro post, de uma série chamada “Sou Arquiteto e Agora?”. Essa série, não visa exatamente a te ensinar a ganhar dinheiro como Arquiteto, porém tenho certeza que te mostrará um caminho a seguir.


Assim, como muitos eu me formei a aproximadamente a pouco tempo, e como muitos também, pensava enquanto fazia faculdade, que depois de formado ganharia muito dinheiro (brincadeira, nem tanto!! risos).


Durante a faculdade, fiz vários estágios em lugares diferentes, para absorver o máximo de conteúdo prático possível. Fiz cursos de ferramentas da área e aprendi alguns por conta própria. “Então, de certa forma eu me achava o” bam bam bam”, por saber mexer com as ferramentas, e por achar que sabia muita coisa.


Está errado eu pensar dessa forma?


Está errado eu pensar dessa forma?

De maneira alguma está errado em pensar dessa forma, porque ter essa autoestima de certa forma pode te ajudar a conseguir bom estágios e tal. Porém, quando a gente forma a conversa é outra, pois além dos fatores semi-internos (Falei, “semi-interno”, porque é exatamente do que esse post trata. Explicarei a seguir), existe os fatores externos.


Alguns fatores externos são: mercado, concorrência, e essa é a mais avassaladora, pois a gente sabe que atualmente quase cada esquina tem uma faculdade de Arquitetura, momento econômico que o país vive, entre outros.


No entanto, como eu disse nesse post não trataremos exatamente desses fatores externos, mas sim, dos fatores internos, pois esses são os que mais nos impedem de avançar. Talvez, o que eu vá te falar agora não sirva para você, mas tenho absoluta certeza que vai servir para muita gente.


O que eu falarei está baseado em vários livros que já li sobre o assunto. No final indicarei um deles. Esses livros tratam da mesma premissa e o mesmo cenário, sendo o fator que mais nos impede de avançar e evoluir, e esse fator é nós mesmos. Doí saber disso né?! Mas, sim!!


Temos a mania de culpar os outros por nossos fracassos, mas esquecemos de que muitas vezes só estamos no mesmo lugar, pois nos acomodamos, ou simplesmente nos esquecemos de andar. Então, tá na hora de amarrar o cadarço do sapato, e começar a caminhar, ter autoconfiança, começar a pensar em outras possibilidades, PENSAR FORA DA CAIXA.


Lembre-se daquele ditado: “Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes”.


Esse artigo ficou muito grande, então decidi dividi-lo em duas partes. No próximo artigo será “PENSE FORA DA CAIXA”, parte 2.


Nele, explicarei algumas coisas que me fizeram pensar fora da caixa, e como isso mudou minha vida!


Então para não ficar sem ler o próximo Post, acesse nosso site: https://studiod3d.com.br/biblioteca-e-ebooks, se inscreva e aproveite para baixar o PDF do Livro “Quem Pensa Enriquece - Napoleon Hill”.


A seguir, segue um peque no trecho desse livro, para você seguir e meditar.


Tenha autoconfiança

Tenha Autoconfiança em cinco passos


1. Sei que tenho a capacidade de atingir o objeto do meu propósito definido na vida; portanto, exijo de mim mesmo uma ação persistente e contínua, para sua realização. Aqui e agora prometo empreender tal ação.


2. Compreendo que os pensamentos dominantes de minha mente reproduzir-se-ão futuramente em ação externa, física, transformando-se em realidade física; portanto, concentrarei meus pensamentos por trinta minutos diários, na tarefa de pensar que sou a pessoa que pretendo me tornar, criando, desse modo, uma imagem clara em minha mente.


3. Sei, pelo princípio da auto-sugestão, que qualquer desejo que eu mantenha com persistência na mente procurará, no futuro, expressar-se através de meios práticos de atingir o objeto existente por detrás desse desejo; portanto, devotarei dez minutos diários para exigir de mim mesmo o desenvolvimento da autoconfiança.


4. Já anotei uma descrição clara do meu principal objetivo definido na vida e jamais pararei de tentar, até desenvolver autoconfiança suficiente para alcançá-lo.


5. Compreendo perfeitamente que nenhuma riqueza ou posição pode durar muito sem ter sido construída sobre verdade e justiça; portanto, não me envolverei em transação alguma que não beneficie a todos a quem afetar. Terei êxito atraindo para mim as forças que desejo usar e a cooperação de outros. Induzirei outros a servir-me, pela minha boa vontade em servi-los.


Eliminarei o ódio, a inveja, o egoísmo e o cinismo, cultivando amor pela humanidade, pois sei que uma atitude negativa para com os outros nunca me trará sucesso. Farei com que os outros acreditem em mim, porque eu acredito neles e em mim mesmo.


Assinarei essa fórmula, recomendá-la-ei à memória, repetindo-a uma vez por dia, em voz alta, com fé integral de que influenciará, gradualmente, meus pensamentos e ações, de modo a tornar-me uma pessoa autoconfiante e bem sucedida. (pág. 26-27)”.


Conheça nossos produtos: https://studiod3d.com.br/biblioteca-e-ebooks


Conheça também, COMO GANHAR DINHEIRO NA INTERNET SENDO ARQUITETO


43 visualizações
  • Pinterest
  • Facebook
  • Instagram Oficial

CNPJ: 36.190.165/0001-10

Formas de Pagamento

©2018 por StudioD3D.